Parece delação: o vídeo em que o pessoal da agência ligada ao PT explica como funcionavam as “metas diárias” para falar bem do partido: “Todo mundo vai ser pago!”

Eis o vídeo em que o pessoal da Follow, a agência que comprava elogios para o PT, tira dúvidas dos “ativistas”sobre pagamentos, fala em metas diárias e confirma que trabalha para a campanha do partido. Parece delação premiada: “Todo mundo vai ser pago”. Outra: o que ganham com a indicação de amigos? “Dinheiro!”, diz uma das funcionárias. “Quem correr atrás vai ganhar dinheiro. A oportunidade está dada”, diz outro. “Quantas mais pessoas, maior a sua conta bancária.”

Isoladamente, é a evidência mais forte até agora. Irretorquível. Só se fala em bufunfa e nas ações com os petistas, incluindo nomes.

A questão em aberto continua sendo a origem do dinheiro, o caminho que ele percorreu e quais as empresas envolvidas nisso. Empresas como a Follow, como rolou em campanhas passadas, dão uma camada de cobertura ao PT – deniability.

Assistam ao vídeo recuperado por internautas:

https://www.bitchute.com/video/17eSYIcgKO2d/

 

Um comentário em “Parece delação: o vídeo em que o pessoal da agência ligada ao PT explica como funcionavam as “metas diárias” para falar bem do partido: “Todo mundo vai ser pago!”

  1. Estamos mais uma vez vendo que partido politico não vale nada… Até na internet compram apoiadores… é o ônus de um país sem futuro…onde só ganha pelo jeitinho… falam em educação e são os primeiros a deseducar… partidos 💩💩💩💩

Deixe uma resposta